segunda, 11 março 2019 15:49

Auchan Holding regista prejuízo de 1,145ME em 2018

O grupo Auchan Holding, que, além dos supermercados, detém o banco Oney e a imobiliária Ceetrus, registou um prejuízo de 1,145 milhões de euros em 2018. O dano resulta, principalmente, do seu ramo de distribuição, que vai entrar em “recuperação” este ano.

O grupo empresarial, não cotado em bolsa e detido pela Associação Familiar Mulliez (AFM), vê, pelo sexto ano consecutivo, as suas vendas cair devido à Auchan Retail. A distribuição, que representa mais de 80 por cento do volume de negócios, mergulha nas contas vermelhas do grupo. No ano passado, as suas vendas diminuíram 3,2 por cento.

De acordo com os dirigentes do grupo, este resultado deve-se a uma "deterioração de ativos"; à ineficácia do plano de recuperação liderado pelos antecessores; e à mudança de atitude por parte dos consumidores, que já não se sentem tão atraídos pelos hipermercados, preferindo a flexibilidade do comércio eletrónico.

A Auchan Retail, devido aos resultados "muito insuficientes", terá como objetivo, a "curto prazo", recuperar a sua atividade, "passando por uma análise e sacrifícios", disse Edgard Bonte, o novo presidente do Conselho de Administração da Auchan Holding. O responsável acrescentou que, além da austeridade, haverá um declínio do investimento.

Fonte: Le Voix du Monde/BFMTV

Newsletter

Assinar Edição ImpressaAssinar Newsletter Diária